quarta-feira, 28 de abril de 2010

Surrealismo




O surrealismo surgiu na França na década de 1920. Posteriormente, espalhando-se pelo mundo na década de 1930.
Nas artes plásticas, o surrealismo era dividido em duas correntes: A primeira, representada por Salvador Dalí, que fazia distorções e justaposições de imagens conhecidas. E a segunda, representada por Joan Miró e Max Ernst, as principais características das pinturas são formas curvas, linhas fluidas e com muitas cores.
Na literatura, os escritores do surrealismo rejeitavam o romance e a poesia em estilos tradicionais e que representavam os valores sociais da burguesia. O poeta Paul Éluard e André Breton são representantes da literatura surrealista.
No cinema, os cineastas também quebraram com o tradicionalismo cinematográfico. Demonstram uma despreocupação total com o enredo e com a história do filme. Dois exemplos disso são: Um Cão Andaluz e L'Âge D'Or.
No teatro, o dramaturgo francês Antonin Artaud é o maior representante do surrealismo no teatro, através de seu teatro da crueldade. Artaud buscava através de suas peças teatrais, livrar o espectador das regras impostas pela civilização e assim despertar o inconsciente da platéia.
O surrealismo no Brasil: podemos observar características surrealistas nas pinturas de Ismael Nery e da artista Tarsila do Amaral.
Autores:Talita, Isaque e William

4 comentários:

  1. Nosso trabalho ficou lindooo! *-*

    ResponderExcluir
  2. Achei muito interessante essa ideia do blog, foi um prazer ter dividido isso com os colegas..
    os trabalhos estão muito bons...
    bjuxx
    Catia e Allam

    ResponderExcluir
  3. que legal a pintura ,o texto ficou muito bom

    ResponderExcluir
  4. O surrealismo e originado do dadaísmo, tem quase a mesma idéia. Procuravam expressar o inconsciente dos artistas.
    O trabalho ficou bom , bem explicado.
    Deste tipo de arte não sou fã!!!!!!!!!

    ResponderExcluir